Campanha Internacional: APOIE A MULHER PARA O ALEITAMENTO MATERNO

 

   Ao longo dos últimos seis meses testemunhamos o escândalo mais chocante, envolvendo leite contaminado, que matou seis bebês e provocou doenças em cerca de 300.000 ou mais. Essas crianças, com bem menos de 3 anos de idade, foram alimentadas com leite em pó contaminado com melanina, uma substância química industrial usada na produção de fertilizantes e plásticos. Imagine se esses bebês não tivessem recebido o leite em pó, se fossem amamentados por suas mães. Poderiam ter sido salvos dessa catástrofe desnecessária.

 

Acrescente seu nome à

 ONE MILLION CAMPAIGN – NO MORE MILK SCANDALS! SUPPORT WOMEN TO BREASTFEED (Campanha do um milhão – Chega de escândalos com o leite! Dê seu apoio para que as mulheres amamentem) para dar um fim aos movimentos de alimentação de bebês com leite em pó.

 

Clique aqui para assinar a petição: http://www.onemillioncampaign.org/en/Details_Petitions.aspx

Evidências científicas mostram a importância da amamentação à sobrevivência dos bebês com saúde. As mulheres vêm sendo obrigadas a interromper o aleitamento e a passar a oferecer aos filhos as fórmulas para bebês, porque não recebem apoio à amamentação, seja no momento do nascimento, na família ou nas instituições de saúde, seja no ambiente de trabalho e, mais importante, devido ao aumento da propaganda para oferecer as fórmulas. Desastres potenciais aguardam seu momento no mundo inteiro.

 É um problema ENORME. Em torno de 200 mães dão à luz bebês a cada minuto em algum lugar no mundo, Elas precisam do nosso apoio. De um total de mais de 135 milhões de crianças que nascem todos os anos apenas 64 milhões começam a ser amamentadas em uma hora de nascidas e 71 milhões NÃO vivenciam isso. Em torno de 48 milhões de mulheres obtêm sucesso com o aleitamento exclusivo nos primeiros seis meses e 87 milhões NÃO. Assine o abaixo assinado para pedir apoio às mulheres que amamentam.

A idéia que a maioria das pessoas faz da amamentação é de algo que se dá entre a mulher e seu filho, que se trata de uma decisão pessoal. Vários fatores, porém, influenciam a capacidade da mulher para amamentar com sucesso: tradições, mitos, posição familiar e social, carga de trabalho, confiança em seu corpo e sua sexualidade, necessidades econômicas, legislação trabalhistas, violência doméstica e no local de trabalho e assédio, disponibilidade de serviços de apoio, propaganda dos fabricantes de alimentos para bebês, e assim por diante. São fatores que impedem, no mundo todo, que mulheres amamentem seus bebês da melhor maneira.

 

Nossa maneira de reagir a essa crise irá modelar as vidas de nossas crianças – nosso futuro. Atualmente, apenas a preocupação pública não é capaz de evitar potenciais escândalos com o leite – a ação pública, reagindo às necessidades das mulheres é que permite que ofereçam o melhor alimento possível aos filhos. Precisamos agir AGORA!

 Una-se à ONE MILLION CAMPAIGN- NO MORE MILK SCANDALS! SUPPORT WOMEN TO BREASTFEED.

http://www.onemillioncampaign.org 

fonte: aleitamento.com

Um comentário sobre “Campanha Internacional: APOIE A MULHER PARA O ALEITAMENTO MATERNO

  1. Meu filho está com 1ano e 3 meses estou amamentando e pretendo continuar até dois anos, porém existe preconceito das pessoas que dizem que o leite não sustenta mais, que ele vai ficar dependete psicológicamente de mim, dependendo do lugar eu tenho vergonha de dar de mamar pois as pessoas olham recriminando, é triste mais até um médico homeopata que eu procurei para o bebê me aconselhou a tira-lo do peito devido as questões citadas á cima fiquei calada de tào perplexa com o comentario, sendo ele médico e homeopata não sabe os beneficios do leite materno…….está precisando estudar um pouquinho a mais!!! obrigado por me ouvirem Janaina

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s